Reconhecer a perda auditiva

Ouvir bem é importante para vivermos felizes

A audição é um sentido precioso, permite-nos comunicar, compreender e explorar o mundo. Graças a ela podemos partilhar as nossas emoções com a família e os amigos. Mas ela também é um sentido frágil, que pode ser danificado facilmente. Cuidar da sua audição é essencial para prevenir uma perda auditiva e a melhor forma de a manter perfeita é adotar um estilo de vida saudável e avalia-la periodicamente junto de profissionais qualificados, como os audiologistas da Minisom.

Definição de perda auditiva

A perda auditiva é a incapacidade parcial de ouvir e pode afetar qualquer pessoa em qualquer idade. Também designada por diminuição auditiva ou surdez, pode ser causada por uma ampla variedade de fatores e de circunstâncias. Os problemas de audição podem também ser temporários ou permanentes e ocorrer de forma gradual ou repentina, dependendo da sua causa. A perda de audição pode ocorrer num ou nos dois ouvidos e um deles pode ser mais afetado do que o outro.

São cinco os graus de perda auditiva, medidos em decibéis. A saber:

  • Até 20 db: Considerada uma audição normal
  • Entre 21 e 40 db: Perda auditiva ligeira
  • Entre 41 e 60 db: Perda auditiva moderada
  • Entre 61 e 90 db: Perda auditiva severa
  • + de 91 db: Perda auditiva profunda
Casal convive alegremente num restaurante graças aos aparelhos auditivos
Prevenir a perda auditiva

Cumprindo algumas regras podemos melhorar facilmente a nossa saúde auditiva e evitar as consequências da exposição diária a ruídos altos.

Saber mais
Esposa ouve as conversas alegremente ao pequeno almoço.
Sinais de perda auditiva

Existem alguns sinais facilmente reconhecíveis que deve estar mais atento.

Saber mais
Senhora sorri com a conversa que está a ouvir.
Causas e os tipos de perda de audição

A perda auditiva tem muitas causas e são vários os fatores que para ela contribuem.

Saber mais
Avó com neta ao colo escuta atentamente o que está a dizer.
Perda auditiva infantil

Um número significativo de crianças tem hoje problemas de audição, dos mais variados graus e tipos.

Saber mais

Tipos de Perda Auditiva

A perda de audição pode ser dividida em três tipos principais:

Perda Auditiva de Condução

Resulta de uma interferência na transmissão do som do ouvido externo para o ouvido interno. As causas podem incluir infeções do ouvido médio (otite média): acumulação de fluído no ouvido médio; bloqueio do ouvido externo (cera); perfuração do tímpano devido a infeção ou ferimento. Em muitos casos, este tipo de perda auditiva irá beneficiar da utilização de um aparelho auditivo, por vezes em conjunto com medicamentos e/ou cirurgia. No entanto, em alguns casos de perda auditiva de condução, medicamentos e/ou cirurgia são a única opção.

Perda Auditiva Neurossensorial

Resulta e uma desordem do ouvido interno. Este tipo de perda auditiva é irreversível. A maioria das perdas auditivas neurossensoriais é causada pela lesão das células ciliadas da cóclea. Uma vez danificadas, estas células não recuperam por elas próprias nem podem ser clinicamente tratadas. O avanço tremendo da tecnologia dos aparelhos auditivos e dos implantes auditivos permite hoje que uma maioria dos pacientes seja reabilitada.

Perda Auditiva Mista

Quando uma perda auditiva é causada por alterações no ouvido interno, assim como no ouvido externo ou no ouvido médio, é designada como perda auditiva mista. Ocorre, por exemplo, quando alguém tem uma alteração das células ciliadas da cóclea devido à idade (Neurossensorial) e, ao mesmo tempo, tem uma infeção do ouvido médio (Condução).

Perda auditiva em idosos

Na maioria das vezes, a perda auditiva ocorre gradualmente com a idade. A partir dos 60 anos, uma em cada duas pessoas tem perda auditiva. A presbiacusia, nome atribuído à perda de audição relacionada com a idade, causa normalmente uma hipersensibilidade aos sons mais altos. Batidas de portas, crianças a brincar mais entusiasmadamente, pessoas a falar alto ou conversas cruzadas podem causar stress e irritabilidade. 

Saiba que apenas 30% das pessoas com presbiacusia têm consciência da sua perda de audição? 

Realizar uma avaliação auditiva anual é, portanto, fundamental para que se consiga detetar a perda auditiva precocemente e impedir assim a sua rápida evolução. 

Reconhecer a perda de audição de familiar ou amigo

Perceber que alguém próximo de si, um amigo ou familiar, está com dificuldades de audição nem sempre é fácil. A perda auditiva tende a acontecer gradualmente com o passar do tempo e, por vezes, especialmente se ainda for ligeira, pode ser difícil de detetar. Compreender os tipos de ambientes nos quais o seu ente querido possa estar a enfrentar maiores dificuldades auditivas ajuda a identificar o tipo de perda que ele possa ter.

A recusa de participar em eventos sociais e familiares, as mudanças frequentes do estado emocional, o stress ​​e a frustração são também alguns dos sinais a que pode estar atento e que podem significar perda de audição. Se desconfia que um familiar ou amigo está com diminuição auditiva, o primeiro passo a dar é marcar-lhe um rastreio auditivo. Na Minisom poderá faze-lo gratuitamente. Feita a avaliação, e caso se confirme perda de audição, os nossos audiologistas poderão ajudar. Apresentaremos ao seu familiar ou amigo as melhores soluções auditivas para que ele volte a sentir de novo todas as emoções do som.

Descubra como está a sua audição

Marque uma consulta auditiva gratuita

Agendar agora

Faça um teste auditivo online

Iniciar teste

Encontre o centro auditivo mais próximo

Procurar centro